Você está aqui: Página Inicial > Seus Direitos > Política Penal > Notícias DEPEN > Depen realiza 33° Curso Básico de Inteligência Penitenciária no Paraná

Destaque

Depen realiza 33° Curso Básico de Inteligência Penitenciária no Paraná

por publicado: 19/09/2017 14h26 última modificação: 19/09/2017 14h26

Brasília, 19/09/2017 - Nesta semana (18/09 a 22/09), está acontecendo o 33° Curso Básico de Inteligência Penitenciária - CBIPENO, realizado pelo Departamento Penitenciário Nacional - Depen, por meio da Escola Nacional de Serviços Penais -  Espen e da Coordenação Geral de Inteligência – CGIN, em Cascavel, Paraná.

A iniciativa objetiva desenvolver os conhecimentos, habilidades e atitudes necessárias para os servidores lotados nas agências de Inteligência Penitenciária do Depen, do Distrito Federal, e dos estados membros, dos órgãos componentes do Sistema Brasileiro de Inteligência (Sisbin) e outras agências convidadas.

Segundo Ana Helena de Oliveira Pessoa, Diretora da Espen, a oferta dos cursos aos estados advém da previsão no PNSP - Plano Nacional de Segurança Pública. "O Depen, em conformidade com as previsões do PNSP, tem a intenção de capacitar, até o fim deste ano, servidores de todos os estados em cursos voltados à Inteligência Penitenciária, possibilitando, assim, destrezas para estes profissionais atuarem no sistema penitenciário", frisa a diretora.

A inteligência penitenciária tem um papel elementar, uma vez que assessora na tomada de decisão em todos os níveis, sobretudo, nos níveis estratégico e político, visto que pode, através dos conhecimentos produzidos, subsidiar as mudanças legislativas e estratégicas que garantirão uma solução, em caso de crise. "Com a conclusão dos cursos, espera-se a difusão da doutrina de Inteligência Penitenciária, que foi criada em 2013. Transmitir técnicas básicas para os servidores utilizarem no trabalho do dia a dia nas agências estaduais, inclusive fomentando a sua integração", explica o Coordenador-Geral de Inteligência penitenciária do Depen, Sandro Abel Sousa Barradas.

As turmas têm, aproximadamente, 40 alunos que cumprirão ao término do curso uma carga horária de 42 horas/ aula. Haverá, ainda, certificação após a sua conclusão.

Serviço de Comunicação Social do Depen